quinta-feira, 20 de setembro de 2012

10


Resenha Sereias 
O Segredo das Águas 







“E então aconteceu... a mágica chegou... e não existiam pernas e pés ali, mas sim um manto de escamas com mil tons de anil, verde e dourado. Uma cauda de peixe... uma cauda de sereia!” Neste romance encantador, urdido a sal e água, é narrada a emocionante história de Coral, uma garota de aparência exótica, que nasceu envolta em mistérios sobrenaturais e com um estranho fascínio pela água. Poderá ela, com a ajuda do apaixonado Marcelo, desvendar todos os enigmas que cercam a sua vida? Conseguirá sua mãe, Marina, afastá-la de um destino que, para ela, parece apavorante, mas que constantemente se revela inexorável? Qual preço você estaria disposto a pagar para ajudar seu grande amor? Com uma narrativa dinâmica e empolgante, o leitor viajará pelo mundo de uma das mais fascinantes figuras lendárias, e presentes, de todos os tempos: a sereia. E verá que, muitas vezes, as lendas são mais reais e estão bem mais próximas de nós do que imaginamos. Venha desvendar o que se esconde nos mares... “Fiquem então em silêncio e apurem seus ouvidos, porque podem ser agraciados com um canto vindo das ondas... por um canto de sereia...”. 



Esse é o segundo livro sobre o tema Sereias que leio, claro sem contar o Pequena Sereia que foi um livro que li na infância e que a maioria já deve ter lido. Mas, esse livro foi único, pois, para o livro é narrado em 3° pessoa pelo o namorado da protagonista e nem me lembro do último livro que li narrado em 3° pessoa, mas gostei muito do jeito que o Marcelo narrava os acontecimentos da Trama.

Quando comecei a ler foi inevitável comparar a autora com os grandes mestres da literatura nacional como o inesquecível José Alencar, pois, o texto tem uma escrita muito bem elaborada que não tem como não se viciar na leitura e mergulhar de cabeça nesse livro maravilhoso.

O enredo gira em torno da Coral, como o nome já bem diz tem uma verdadeira fascinação por sereias e pelo mar. Todavia, enquanto a nossa protagonista tem uma veneração por esses temas, a sua mãe não consegue nem ouvir falar, porém Coral desconhece toda a história. Mas, ela não sabe que o destino dela foi traçado desde a sua concepção.

Entretanto, Coral tem um aliado que desde que colocou os olhos nela se apaixonou perdidamente que é o nosso narrador Marcelo. E para viver esse amor eles encontraram muitos obstáculos pela frente, mas como o amor que liga eles é maior que tudo até mesmo contra o tempo, e nada vai ser capaz de acabar com o amor que um sente pelo o outro.

Durante a leitura desse livro a minha região ficou sem luz, mas como já estava viciada no livro nem a falta de eletricidade foi capaz de me separar desse livro e acabei tendo que terminar o livro com uma lanterna.

Adorei as partes que mencionam a minha cidade, mas vou ter que discordar da autora em como ela pintou o Gaúcho, pois, assim nos termos do livro hoje em dia são poucos não que perdemos a nossa tradição, mas o povo gaúcho evoluiu com o tempo como em qualquer região. Agora estou louca para saber se vai ter um próximo livro, pois, o fim nos deixou com uma pulga atrás da orelha.


Bjinhos!!!
Samira Chasez

10 comentários:

  1. Esse livro é ótimo.. já te seguia, voce deixou um recado no skoob. se puder me seguir tabmbem.. beijos

    Me visita?
    Guilherme Kunz
    http://tematoa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ahh, agora fiquei meio assim. Sou gaúcha demais para aceitar constatações "falsas" sobre o RS e pelo que você falou, a Mirella nos trata como se fossemos, hã... Não sei exatamente a palavra, mas por você ter dito que nós evoluímos como muitos estados, eu fiquei com um pé atrás e ponto.

    Gislaine,
    atualizado, comenta?
    Jeito Inédito
    {ah, eu tô seguindo. Se quiser retribuir ficarei muito agradecida :D}

    ResponderExcluir
  3. Lindo post e lindo blog,Samira! Conheço a autora Mirella pelo face, estamos juntas num projeto de uma coletânea, ela me mandou Sereias mas ainda não comecei a ler. Depois dessa resenha maravilhosa fiquei morrendo de curiosidade!
    Segue meu blog q faço em parceria com uma amiga. Se chama cappuccinodepalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Gislaine,

    Foi como a Mirella comentou em nenhum momento ela fala mal do estado, inclusive ela tem uma veneração pelo estado.. O que eu quis dizer foi isso que a autora ressaltou, que mulheres como a sua personagem hoje em dia existem poucas...

    ResponderExcluir
  6. Olá Gislaine, como vai?

    Queria te dizer que eu AMOOO o RS e os gaúchos. Tanto que sou casada com um, que é amor da minha vida! hehehe. Inclusive fiz questão de me casar aí, na linda praia do Cassino.

    No livro coloquei ainda mais o meu amor pelo estado, fazendo o personagem principal e narrador da história, Marcelo, ser do RS.

    Acredito que a querida Samira disse isso pq no livro a mãe do Marcelo tem características pessoais daquelas mulheres dos pampas (que vivem mesmo nas fazendas e sítios) com uma cabeça mais antiga e almejando apenas a vida como dona de casa. Mas jamais que eu coloco lá que o gaucho não é evoluído ou outra coisa que vc pensou...rs.

    Tá louco, eu gosto tanto do seu estado que, como eu já tinha dito pra Samira dias atrás, nós estamos pensando em ir morar aí no começo do ano que vem.

    Bem, espero ter acabado com o mal entendido...rs

    Um querido beijo, Mirella

    ResponderExcluir
  7. Nunca li livros com sereias. Não conheço a fundo a mitologia desse ser sobrenatural, mas tenho bastante curiosidade. Gostei da história em si, e da capa também. Muito bonita mesmo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  8. Lindo livro e amei a sua resenha. Fiquei com vontade de ler. bjs
    Eykler

    www.aghridoce.blogpsot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Pra ser sincera, sereias não são nem de perto meus seres sobrenaturais preferidos. Mas, tenho visto tantos lançamentos de livro com esse personagem, que fiquei curiosa :)

    ResponderExcluir
  10. Sou apaixonada por estórias de sereias...
    Então ler um livro com elas, situado no Brasil e com romance em baixo d'água seria d+. Oh, vontadezinha de ler esse livro.

    ResponderExcluir